Carro elétrico movido a Água do Mar e Materiais Reciclados possui 2000 km de autonomia e acelera de 0 a 100 km/h em cerca de 2,5 segundos

Carro elétrico movido a Água do Mar e Materiais Reciclados possui 2000 km de autonomia e acelera de 0 a 100 km h em cerca de 2,5 segundos Fonte: nanoFlowcell/Divulgação

As baterias deste carro elétrico foram substituídas por seis células que funcionam e são acionadas por um tanque de 125 litros de um combustível a base de água do mar

Publicidade

O fabricante de veículos elétricos nanoFlowcell apresentou um novo conceito de veículo chamado Quantino twentyfive. Este carro elétrico é movido por um combustível a base de água e tem uma autonomia de 2.000 quilômetros.

A empresa britânica nanoFlowcell já possui experiência em diversas abordagens para automóveis elétricos e tem trabalhado nessa indústria.

Publicidade

A empresa opta por não utilizar o sistema de bateria convencional, mas sim um sistema de água que contém eletrólitos. Essa configuração permite que você faça viagens longas sem a necessidade de parar para abastecer.

O Quantino 48 Volt foi o primeiro modelo de carro elétrico movido a água, e tinha uma autonomia de 1000 quilómetros. Agora, o Quantino Twentyfive, um modelo aprimorado da mesma ideia, está sendo testado.

Publicidade

As baterias deste veículo elétrico foram substituídas por seis células de combustível que funcionam e são acionadas por um tanque de 125 litros de um combustível líquido chamado bi-ION. Este combustível é um composto feito de água do mar e resíduos reciclados.

LEIA TAMBÉM:  Primeira Cybertruck em território brasileiro é apresentada pelo dono Danielzinho Grau

Os quatro motores elétricos do Quantino Twentyfive são alimentados por esse combustível, o que resulta em uma potência combinada de 320 cavalos e uma autonomia de cerca de 2.000 quilômetros.

Publicidade

O desempenho do carro elétrico movido a água é outra área em que não deixa a desejar 

A fabricante do Quantino twentyfive garante que o modelo é capaz de acelerar de 0 a 100 quilômetros por hora em cerca de 2,5 segundos, mesmo equipado com um tanque enorme.

A nanoFlowcell agora tem que trabalhar no desenvolvimento de seu combustível bi-ION para abastecer outros modelos que já estão em fase de planejamento para o futuro.

A empresa se prepara para o lançamento dos seus modelos no mercado americano, e também prevê reduzir o tempo de produção desta fonte de energia, bem como o seu custo, com o objetivo final de a vender por apenas € 0,10 por litro e permitindo uma mobilidade significativamente mais ecológica e econômica.

Além de trabalhar para melhorar a qualidade do carro elétrico movido a água, eles agora buscam parceiros de negócios interessados em incorporar essa tecnologia em seus próprios produtos.

Nunzio La Vecchia, CEO da nanoFlowcell, disse que tem grandes expectativas de que esse avanço se torne a chave para criar uma transição energética mais eficaz e eficiente à medida que essa tecnologia continua avançando.

Ainda neste ano, devemos assistir ao início da fabricação dos primeiros protótipos, o que representará um avanço significativo em termos de economia.

LEIA TAMBÉM:  Kia EV5 e EV9: SUVs elétricos apresentados no Brasil
Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: | |

Sobre o Autor

Geovane Souza
Geovane Souza

Geovane Souza é Jornalista e especialista em criação de conteúdo na internet, ações de SEO e marketing digital. Nas horas vagas é Universitário de Sistemas de Informação no IFBA Campus de Vitória da Conquista.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *