Empresa brasileira cria robô movido a energia solar com inteligência artificial para auxiliar na agricultura em larga escala

Empresa brasileira cria robô movido a energia solar com inteligência artificial para auxiliar na agricultura em larga escala Fonte: Divulgação/Solinftec

Robô movido a energia solar com IA criado pela Solinftec pode auxiliar em uma variedade de plantações.

Publicidade

Um avanço significativo no mundo da tecnologia agrícola foi recentemente anunciado pela empresa brasileira Solinftec. Ela desenvolveu o Solix AG Robotics, um robô movido a energia solar com inteligência artificial, que tem como objetivo transformar a agricultura em larga escala, tornando-a mais eficiente e sustentável.

O robô foi projetado para supervisionar uma variedade de plantações, incluindo, mas não se limitando a, soja, milho, cana-de-açúcar, cebola, batata e tomate. Além disso, ele é capaz de rastrear o crescimento de plantas individuais e administrar de forma eficaz o uso de herbicidas através de um sistema de pulverização direcionada.

Publicidade

Solix AG Robotics auxilia na redução de desperdício e economia de custos

De acordo com a empresa, os resultados iniciais mostram que os agricultores que utilizaram este robô reduziram o uso de herbicidas em até 95%. Este tipo de inovação não apenas minimiza o desperdício, mas também representa uma economia significativa em termos de custos de produção.

O CEO da Solinftec, Britaldo Hernandez, ressaltou que a visão por trás desse projeto inovador era criar um robô capaz de operar continuamente nas fazendas, compreendendo todo o ecossistema agrícola.

Publicidade
LEIA TAMBÉM:  Robôs humanoides com expressões faciais: A nova fronteira da tecnologia

Eles planejam capitalizar sobre a crescente demanda por ferramentas avançadas de “agricultura de precisão”, tanto no Brasil como nos Estados Unidos. Ambos os países são líderes mundiais na produção de alimentos.

Expansão global do robô movido a energia solar com inteligência artificial em agricultura

Cada unidade do robô movido a energia solar e inteligência artificial é vendida por aproximadamente US$ 50.000, o que equivale a cerca de R$ 242.000. A empresa planeja entregar 40 unidades até o final de 2023, um aumento em relação ao ano anterior. Para 2024, a expectativa é de que este número salte para 250 unidades.

Publicidade

Entre as empresas que já incorporaram o Solix AG em suas operações estão a Raizen, uma grande empresa na indústria do açúcar e etanol, e a Amaggi, uma multinacional brasileira de grãos. A Solinftec atualmente opera duas fábricas, uma no Brasil e outra nos Estados Unidos, com uma capacidade anual de produção de 1.600 robôs.

A integração de robôs movidos a energia solar com inteligência artificial na agricultura em larga escala pode ser um divisor de águas na maneira como a agricultura é conduzida globalmente. Esta inovação promete não apenas tornar a produção mais eficiente, mas também mais sustentável e econômica.

O robô brasileiro Solix AG Robotics da Solinftec é um passo significativo nesta direção e poderá estabelecer um novo padrão para a agricultura mundial futuramente.

LEIA TAMBÉM:  Internet da Amazon via satélite: Projeto Kuiper está prestes a revolucionar a conectividade
Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: | | | |

Sobre o Autor

Geovane Souza
Geovane Souza

Geovane Souza é Jornalista e especialista em criação de conteúdo na internet, ações de SEO e marketing digital. Nas horas vagas é Universitário de Sistemas de Informação no IFBA Campus de Vitória da Conquista.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *