O primeiro carro elétrico a rodar no Brasil foi fabricado aqui mesmo por um brasileiro há quase 50 anos

O primeiro carro elétrico a rodar no Brasil foi fabricado aqui mesmo por um brasileiro há quase 50 anos Foto: Quatro Rodas / Reprodução

Durante o Salão do Automóvel de 1974, o Gurgel Itaipu E150 foi um dos veículos expostos e tinha um alcance de 50 quilômetros, atingindo velocidades de 30 ou 60 km/h

Publicidade

Para se ter uma ideia do que vai acontecer nos próximos anos, gostaria de trazer um pouco da história dos carros elétricos comercializados no Brasil. Essa história começou a muito tempo, foi um projeto brasileiríssimo o primeiro carro elétrico a circular no Brasil

O primeiro carro elétrico do Brasil foi exposto durante o Salão do Automóvel de 1974, o Gurgel Itaipu E150 foi uma grande novidade naquela época. Tinha um alcance de 50 quilômetros, atingindo velocidades de 30 ou 60 quilômetros por hora (dependendo da variante) e pesava 460 quilos. Só as baterias representavam 320 quilos de seu peso.

Publicidade

Em 1980, Gurgel apresentou o Itaipu E400, que tinha uma autonomia um pouco maior de 80 quilômetros e ajudou a empresa a se manter como líder do setor. O importante é observar que não se tratava de um automóvel comum, mas sim de uma van em pleno funcionamento, pertencente à frota da Telebrás e da Telesp.

LEIA TAMBÉM:  Honda inova com e:NS2, elétrico versátil para o mercado chinês

Vale ressaltar que essas iniciativas foram eficazes e sustentáveis há quase meio século, apesar de usarem pesadas baterias de chumbo-ácido. 

Publicidade

Lamentavelmente, com a abertura da indústria automobilística para empresas de outros países, a Gurgel, empresa que fabricou o primeiro carro elétrico do Brasil, foi obrigada a declarar falência e, com isso, os veículos elétricos da marca seguiram o mesmo caminho dos demais produtos da empresa.

Itaipu Binacional lançou outro projeto de veículo elétrico em parceria com a Fiat 20 anos depois do lançamento do primeiro carro elétrico do Brasil

Vinte anos depois do lançamento do primeiro carro elétrico do Brasil, juntamente com a extinta Gurgel, o Programa VE da Itaipu Binacional, em conjunto com a Fiat, construiu mais de oitenta protótipos do Palio Weekend totalmente elétrico, em um novo projeto. 

Publicidade

O carro incluía uma bateria de cloreto de sódio e níquel que pesava apenas 165 quilos e proporcionava uma autonomia de 120 quilômetros. O motor do carro tinha 20 cavalos de potência, o que permitia atingir 100 quilômetros por hora em 28 segundos, uma revolução para o seu tempo.

Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: | |

Sobre o Autor

Geovane Souza
Geovane Souza

Geovane Souza é Jornalista e especialista em criação de conteúdo na internet, ações de SEO e marketing digital. Nas horas vagas é Universitário de Sistemas de Informação no IFBA Campus de Vitória da Conquista.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *