Caminhão elétrico movido a Amônia, com 800 Km de autonomia, está em testes pela norte-americana Amogy

Caminhão elétrico movido a Amônia, com 800 Km de autonomia, está em testes pela norte-americana Amogy Fonte da imagem: Amogy/Divulgação
Publicidade

Um caminhão elétrico movido por energia gerada a partir de amônia está sendo testado nos Estados Unidos pela empresa norte-americana Amogy. Essa inovação promete ser uma alternativa mais sustentável e acessível ao hidrogênio, o combustível mais comum em células a combustível atualmente.

Amônia: O combustível sustentável do futuro

A amônia é uma substância abundante e relativamente fácil de ser produzida, sendo um composto químico formado por nitrogênio e hidrogênio. É amplamente utilizado nas indústrias química e agrícola. A Amogy aposta no potencial da amônia como uma solução mais simples e eficiente para reduzir as emissões de poluentes nos caminhões.

Publicidade

Caminhão elétrico movido a amônia, Freightliner Cascadia, é um laboratório ambulante

O modelo escolhido para os testes é o Freightliner Cascadia, um dos caminhões mais vendidos nos EUA. Ele se tornou o primeiro caminhão do mundo movido a eletricidade gerada por amônia, graças à densidade energética do produto, que é até cinco vezes maior que a das baterias convencionais.

Os benefícios dessa inovação incluem o reabastecimento rápido em apenas oito minutos e a capacidade de armazenar e transportar a amônia em temperaturas e pressões bem menores que o hidrogênio. Isso facilita a operação e reduz os custos associados.

Publicidade

Testes e resultados

O caminhão elétrico movido a amônia apresentou uma autonomia de 800 km e uma potência de 410 cv. A Amogy planeja realizar testes adicionais em condições reais, carregando o veículo e avaliando seu desempenho em várias situações.

LEIA TAMBÉM:  Honda inova com e:NS2, elétrico versátil para o mercado chinês

Fundada em 2020 por jovens estudantes, a Amogy já desenvolveu outros projetos baseados em amônia, como um drone com 7 cv de potência e tratores da John Deere com potências de 136 cv e 408 cv. A empresa pretende buscar parcerias globais no setor de transportes após a conclusão dos testes.

Publicidade

O futuro do combustível sustentável

Com projetos ambiciosos, como um rebocador de 1 MW movido a amônia e até mesmo navios e iates, a Amogy está determinada a continuar investindo nessa solução sustentável. A empresa tem como meta reduzir as emissões de CO2 em cerca de 5 toneladas até 2040, contribuindo para um futuro mais verde e sustentável no setor de transportes.

A inovação do caminhão elétrico movido a amônia apresenta uma alternativa promissora e sustentável para o mercado de transportes, com potencial para revolucionar a indústria e reduzir a pegada de carbono global.

Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: | | |

Sobre o Autor

Geovane Souza
Geovane Souza

Geovane Souza é Jornalista e especialista em criação de conteúdo na internet, ações de SEO e marketing digital. Nas horas vagas é Universitário de Sistemas de Informação no IFBA Campus de Vitória da Conquista.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *