Cientistas do MIT utilizam energia solar para dessalinizar água e reduzem drasticamente os custos gerando de 4 a 6 litros de água potável por hora

Cientistas do MIT utilizam energia solar para dessalinizar água e reduzem drasticamente os custos gerando de 4 a 6 litros de água potável por hora Fonte: MIT/Reprodução

O sistema inspirado no processo natural de circulação termohalina dos oceanos tem potencial de fornecer água potável para famílias pequenas.

Publicidade

Um avanço promissor no campo da dessalinização foi revelado por cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Ao utilizar energia solar, os pesquisadores conseguiram transformar a água do mar em potável, além disso conseguiram uma forma de reduzir significativamente os custos associados ao processo.

O equipamento inovador que que permitiu esse deito, quando otimizado, pode gerar entre 4 a 6 litros de água potável por hora. Esse avanço promete aliviar os custos de produção de água em países subdesenvolvidos, além de apresentar uma solução sustentável para comunidades costeiras e regiões áridas.

Publicidade

Dessalinizador solar do MIT foi inspirado no processo natural de circulação termohalina dos oceanos

O sistema criado assemelha-se a um fenômeno natural – a circulação termohalina dos oceanos. Ele replica esse processo em uma escala menor, onde a luz solar promove a evaporação da água, deixando os sais minerais para trás.

O novo equipamento não necessita de eletricidade, reduzindo significativamente os custos de produção. Além disso, é uma ferramenta ecológica que pode ser um marco na obtenção de água potável, especialmente em regiões costeiras.

Publicidade

Com a capacidade de gerar até 6 litros de água por hora, o sistema é compacto, mas poderoso. Se dimensionado, poderia servir uma família pequena ou até mesmo comunidades costeiras inteiras, tornando a água potável mais acessível e contribuindo para a resiliência hídrica global.

LEIA TAMBÉM:  Cientistas criam concreto fotovoltaico que pode ser usado em calçadas, lajes e pontes para gerar energia através dos raios solares graças a um mineral chamado Perovskita

Entenda melhor como funciona o sistema

Dessalinizador solar do MIT
Fonte: Joule/Reprodução

O sistema de dessalinização solar criado por cientistas do MIT opera de maneira simplificada, mas eficaz. Utilizando uma caixa fina e escura coberta com um material que absorve o calor solar. Quando a água do mar entra em contato com esse calor, ela evapora, deixando os sais para trás.

Publicidade

Este processo de evaporação é auxiliado por correntes circulares de água dentro da caixa, criando um ciclo contínuo de dessalinização.

Como já informado, essa abordagem imita a circulação termohalina natural dos oceanos, mas em uma escala reduzida, apresentando uma forma autossustentável e econômica de produzir água potável a partir da energia solar.

Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: | |

Sobre o Autor

Valdemar Medeiros
Valdemar Medeiros

Jornalista em formação, especialista na criação de conteúdos com foco em ações de SEO. Escreve sobre Ciência, Tecnologia, Indústria Automotiva, Energias Renováveis e Novas oportunidades do mercado de trabalho.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *