Conheça a impressora 3D que constrói casas mais rápido e barato, uma revolução na construção civil

Conheça a impressora 3D que constrói casas mais rápido e barato, uma revolução na construção civil Foto: dezeen / Reprodução
Publicidade

A construção civil está prestes a ser transformada pela ICON, uma empresa inovadora que desenvolveu a Phoenix, uma tecnológica impressora 3D de casas capaz de revolucionar o mercado. A Phoenix é mais do que apenas uma evolução de sua predecessora, a Vulcan; ela redefine as possibilidades de construção com sua habilidade de imprimir estruturas completas, incluindo a fundação e os componentes do telhado.

Além disso, a Phoenix reduz pela metade os custos de impressão em comparação com a Vulcan, iniciando projetos a partir de US$ 25 (aproximadamente 124 reais) por pé quadrado para sistemas de parede e US$ 80 (aproximadamente 397 reais)por pé quadrado para fundação e telhado​​.

Publicidade

Uma das inovações mais empolgantes da ICON é o CarbonX, um material de construção de baixo carbono, que destaca a busca da empresa por soluções mais sustentáveis

Estudos do MIT confirmaram que as casas impressas em 3D têm um impacto ambiental menor do que as construções convencionais. Este compromisso com a sustentabilidade não se limita ao material: a ICON planeja disponibilizar o CarbonX para outras empresas a partir de abril de 2024, demonstrando um compromisso com o avanço da indústria como um todo​​.

LEIA TAMBÉM:  CATL lança TENER: Nova bateria que promete cero degradação em cinco anos e com vida útil estendida

A ICON não se contenta apenas em construir casas; ela quer mudar como pensamos sobre moradia acessível. Com a iniciativa 99, a empresa desafiou arquitetos e designers do mundo todo a criar casas que pudessem ser construídas por menos de US$ 99.000 com a tecnologia de impressão 3D.

Publicidade

A competição atraiu participantes de mais de 60 países, reforçando a ideia de que a acessibilidade não deve sacrificar a qualidade ou a beleza. Além disso, a ICON está trabalhando em um programa de IA, o Vitruvius, que permitirá a qualquer pessoa projetar esquemas residenciais imprimíveis em 3D​.

Um futuro moldado pela impressão 3D

A impressora 3D de casas da ICON não é apenas uma ferramenta de construção; é um veículo para uma mudança radical na forma como construímos e habitamos nossos espaços. Com a redução dos custos e do tempo de construção, juntamente com o aumento da sustentabilidade, estamos diante de uma verdadeira revolução na construção civil.

Publicidade

A possibilidade de criar casas personalizadas e acessíveis para todos está ao nosso alcance, e a ICON está na vanguarda dessa transformação. Seus avanços demonstram que a impressão 3D de casas pode ser a chave para resolver não apenas desafios de construção, mas também problemas sociais e ambientais mais amplos.

Inovações globais em impressoras 3D de casas

O avanço da tecnologia de impressoras 3D de casas está gerando ondas por todo o mundo. Um exemplo notável é o uso da impressora 3D BOD2 da COBOD na Bélgica, que imprimiu uma casa de dois andares, destacando-se tanto pela eficiência energética quanto pela integração estética com a arquitetura local.

LEIA TAMBÉM:  CATL lança TENER: Nova bateria que promete cero degradação em cinco anos e com vida útil estendida

A força do material usado é três vezes maior do que o tijolo convencional, e a construção de casas como essa pode ser realizada em apenas dois dias no futuro. Enquanto isso, no Reino Unido, a empresa Building for Humanity está se preparando para construir as primeiras casas 3D do país, visando fornecer moradias acessíveis e sustentáveis para famílias de baixa renda e veteranos.

O que torna essas inovações particularmente emocionantes é o seu potencial de impacto social e ambiental. Além da economia de tempo e custos, a impressão 3D em construção oferece vantagens significativas em termos de sustentabilidade.

Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: | | | | |

Sobre o Autor

Ana Paula Araújo
Ana Paula Araújo

Ana Paula Araújo escreve no Cultura Ambiental nas Escolas sobre meio ambiente, sustentabilidade, energias renováveis e suas implicações, veículos elétricos e as principais novidades do setor.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *