Conheça a Oxagon, cidade flutuante de oito lados que será construíra na Arábia Saudita

Escrito por Geovane Souza

A Arábia Saudita comunicou a construção de um ambicioso projeto, a Oxagon é uma cidade de oito lados, altamente tecnológica e ficará no Mar Vermelho. Segundo a revelação a imprensa e um vídeo divulgado no Twitter (Veja abaixo), a Oxagon será construída próximo a Neom, uma região recém-criada que fica na fronteira da Arábia Saudita, Jordânia e Egito.

Conheça a Oxagon, cidade flutuante de oito lados que será construíra na Arábia Saudita

O plano é que a Oxagon seja o centro econômico e industrial da região de NEOM, impulsionando a inovação na indústria e tecnologia. Este será o lugar onde as ideias poderão mudar o mundo, sendo projetada para atrair talentos globais e dar uma nova visão para a criatividade.

PARA VOCÊ:
Pesquisadores usam água, algas e luz ​​para construir célula fotovoltaica biológica que gera energia

A Oxagon fornecerá energia limpa e logística moderna da cadeia de suprimentos para ajudar os parceiros de negócios. De acordo com os planejadores do projeto, os primeiros negócios serão implementados já em 2022.

De acordo com um vídeo promocional publicado no Twitter na terça-feira, a Oxagon será a maior cidade flutuante do mundo. A Neom não divulgou o custo do projeto da cidade flutuante Oxagon.

O Mar Vermelho é uma das rotas comerciais mais movimentadas do mundo, com 10% de todo o comércio global passando a cada ano.

Veja também: CEO da SolFácil disse que a energia solar não é cara – É o brasileiro que está sem dinheiro

PARA VOCÊ:
A automação constrói reservatórios de torre de gelo maiores e melhores para agricultura alta e seca

A região Neom é uma ideia ambiciosa do príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman. O projeto é apoiado pelo Fundo de Investimento Público do Reino da Arábia Saudita (PIF). Tanto o Neom quanto o PIF são presididos pelo príncipe herdeiro Mohammed.

Mohammed bin Salman, disse que o plano é que a Oxagon seja o catalisador para o crescimento econômico e a diversidade em Neom, atendendo ainda mais as ambições da região. A previsão é que esteja tudo pronto até 2030. Ele disse ainda que contribuirá para o comércio regional da Arábia Saudita e apoiará a criação de um novo ponto focal para os fluxos comerciais globais.

PARA VOCÊ:
Você sabe o que é reciclagem?
Artigos relacionados