Empresa desenvolve supercarro capaz de atingir mais de 380 km/h movido por “Lixo”, o veículo usa um combustível gerado a partir de resíduos de plástico

Empresa desenvolve supercarro capaz de atingir mais de 380 km h movido por Lixo, o veículo usa um combustível gerado a partir de resíduos de plástico FONTE: Bertone/Divulgação

Criadores dizem que serão produzidos apenas 33 exemplares deste supercarro movido a combustível feito de lixo plástico e garante que o modelo foi criado com a intenção principal de ser ambientalmente responsável.

Publicidade

Um supercarro movido a combustível feito de plástico reciclado do lixo será lançado no mercado pela Bertone, líder do setor de design e construção de automóveis. Em reconhecimento aos 110 anos de existência da marca italiana, o automóvel receberá a designação GB110 quando for lançado. 

Os executivos da Bertone devem agradecer pelo renascimento da empresa de design italiana, que agora se esforça para se posicionar no futuro, apesar de ter produzido designs de automóveis clássicos no passado, como o Lamborghini Countach. O novo veículo está sendo considerado pela Bertone como o primeiro de uma linha de supercarros de edição limitada que a empresa planeja produzir.

Publicidade

Segundo a montadora, serão produzidos apenas 33 exemplares deste modelo, que terá uma velocidade máxima de mais de 380 quilômetros por hora (km/h). O GB110 se desvia significativamente do que é típico na indústria automotiva. Isso se deve principalmente ao tipo de combustível com o qual é movido, criado a partir de lixo plásticos reciclados, e tem linhas que lembram inconfundivelmente um supercarro esportivo. Além disso, o GB110 foi projetado para oferecer aos seus proprietários exclusivos uma quantidade significativa de sensações intensas.

LEIA TAMBÉM:  Chevrolet Trailblazer 2025: O SUV brutalmente pronto pra tudo

Serão necessários apenas 2,79 segundos para o supercarro italiano movido a lixo plástico reciclado ir de 0 a 100 quilômetros por hora 

O fabricante forneceu algumas representações do veículo, que sugerem que ele terá um estilo extremamente comparável ao do impressionante modelo Lamborghini Aventador. Embora atualmente não haja informações disponíveis sobre o custo do modelo, tudo indica que será uma opção de compra bastante cara.

Publicidade

A relação entre a Bertone e a Select Fuel, empresa que inventou e patenteou a tecnologia que converte resíduos plásticos em combustível, beneficiará o potente motor de 1.100 cavalos que acompanha este veículo. A Select Fuel, com sede no estado de Nevada, nos Estados Unidos da América, trabalha para criar combustível a partir de lixo plástico que seja adequado para uso em aeronáutica, veículos pesados e até automobilismo.

De acordo com Jean-Franck Ricci, que atua como diretor executivo da Bertone, o supercarro movido a lixo plástico reciclado foi criado com a intenção principal de ser ambientalmente responsável. É geralmente aceito que a descontaminação exigirá uma variedade de abordagens que fazem uso de várias tecnologias.

Publicidade

O lixo plástico deve fornecer valor adicional e ser visto como um recurso valioso para ser gerenciado de forma eficaz. Por causa do relacionamento, a empresa conseguiu reciclar materiais descartados anteriormente e trazê-los de volta ao seu estado original.

A empresa não divulgou o nível de autonomia do modelo, apesar de ser movido a combustível sintético feito de plástico reciclado. O conceito desse tipo de propulsão é bastante intrigante; no entanto, também seria necessário saber até onde um veículo pode ir com apenas um litro de combustível.

LEIA TAMBÉM:  Segurança em duas rodas: Honda planeja airbags para todas as motos até 2050
Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: |

Sobre o Autor

Geovane Souza
Geovane Souza

Geovane Souza é Jornalista e especialista em criação de conteúdo na internet, ações de SEO e marketing digital. Nas horas vagas é Universitário de Sistemas de Informação no IFBA Campus de Vitória da Conquista.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *