Bicicleta revolucionária movida a hidrogênio tem autonomia de 150 km e pode ser recarregada em apenas 2 minutos

Bicicleta revolucionária movida a hidrogênio tem autonomia de 150 km e pode ser recarregada em apenas 2 minutos Alpha Neo (Imagem: Pragma Mobility/Divulgação)

A bicicleta movida a hidrogênio da Pragma Mobility vem equipada com um motor elétrico com potência contínua de 250 watts e uma potência de pico de 350 watts

Publicidade

Em 2007, foi lançada uma alternativa sustentável para o transporte urbano: Uma bicicleta movida a células a combustível de hidrogênio. Essas bicicletas são uma forma de veículo híbrido que está a meio caminho entre um veículo comum e uma bicicleta elétrica

Depois de mais de uma década, uma empresa francesa chamada Pragma Mobility está tentando ressuscitar o conceito. Um de seus empreendimentos mais recentes é a Alpha, uma bicicleta movida a hidrogênio que, segundo a empresa que a fabricou, tem cerca de três vezes a autonomia típica de uma bicicleta elétrica. 

Publicidade

Além disso, o ciclista que a usar não precisa passar horas conectado a uma fonte de energia para recarregar a bateria, como é o caso da maioria das e-bikes.

O novo produto, conhecido como Alpha Neo, acaba de ser disponibilizado aos consumidores. O protótipo tem a aparência de uma bicicleta elétrica normal, mas em vez de uma bateria, tem uma célula de hidrogênio como fonte de energia. 

Publicidade
LEIA TAMBÉM:  Revolution W: A revolução das bicicletas elétricas para militares

A empresa Pragma Mobility afirma que o processo de reabastecimento da bicicleta leva cerca de 2 minutos.

O motor elétrico que aciona a bicicleta movida a hidrogênio tem uma potência contínua de 250 watts e uma potência de pico de 350 watts. Enquanto isso, a velocidade máxima é limitada a 25 quilômetros por hora para atender aos padrões europeus que regem as bicicletas elétricas.

Publicidade

Uma célula de hidrogênio compacta gera a energia necessária para acionar o motor elétrico da bicicleta

No que diz respeito à fonte de energia do veículo, uma célula de combustível de hidrogênio relativamente compacta oferece a eletricidade para acionar o motor, isso proporciona uma autonomia estimada de até 150 quilômetros.

A bicicleta movida a hidrogênio, Alpha Neo, tem um preço exorbitante de 5.690 euros, que se converte em pouco mais de R$ 31.000 no câmbio atual. A Pragma está disponibilizando suas bicicletas para aluguel por longo prazo, a fim de facilitar o processo de aquisição.

Dessa forma, os consumidores fazem um pagamento inicial igual a 1.700 euros (cerca de R$ 9.300), e o saldo remanescente é subdividido em parcelas mensais de 79 euros (cerca de R$ 430).

Em conclusão, há necessidade de aumentar o número de postos desse tipo de combustível, para o bom funcionamento da bicicleta movida a hidrogênio. Apesar disso, pode ser o início de um novo padrão, tanto na Europa, quanto no restante do mundo, à medida que mais e mais postos de hidrogênio são construídos.

LEIA TAMBÉM:  Revolution W: A revolução das bicicletas elétricas para militares
Siga-nos no Google News

Publicidade

Tags: |

Sobre o Autor

Geovane Souza
Geovane Souza

Geovane Souza é Jornalista e especialista em criação de conteúdo na internet, ações de SEO e marketing digital. Nas horas vagas é Universitário de Sistemas de Informação no IFBA Campus de Vitória da Conquista.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *