São Paulo ganha passarela verde feita de plantas sobre a rodovia para reduzir mortes de animais

Escrito por Geovane Souza

As rodovias federais no Brasil abrange cerca de 120 mil quilômetros, o que facilita muito a prestação de diversos serviços de transporte em todo o país. Mas toda essa infraestrutura tem um custo e gera diversos impactos negativos para o meio ambiente. Um desses impactos é a morte de animais atropelados, quando as pistas invadem seu habitat natural.

São Paulo ganha passarela verde feita de plantas sobre a rodovia para reduzir mortes de animais
Ponte verde do modelo da PlantVerd / Crédito PlantVerd

Outros impactos negativos incluem a perda de habitat para plantas e outros organismos. Nessas estradas, quinze animais são mortos a cada segundo atropelados por veículos. A cada ano morrem mais de 470 milhões de animais vitimas dos veículos nas rodovias brasileiras.

PARA VOCÊ:
Mulheres brasileiras desenvolvem absorvente biodegradável a base de fibra de bananeira e acaí

Na Rodovia Nova Tamoios, em São Paulo, uma iniciativa PlantVerd, uma empresa que age na recuperação de regiões ambientalmente degradadas, oferece uma passarela verde como solução para esse problema. A PlantVerd trabalha na reabilitação de locais degradados ambientalmente, e na Nova Tamoios eles construíram uma passarela verde no trecho da rodovia que liga o Vale do Paraíba ao Litoral Norte.

Os animais passam pela passarela verde de um lado para o outro sem correr perigo

O projeto foi viabilizado com a ajuda de um investimento da Dersa, responsável pela preservação da rodovia. O objetivo da ponte é permitir a passagem de animais de um lado para o outro da estrada e evitar acidentes causados ​​por atropelamentos, que muitas vezes resultam na morte tanto dos animais quanto das pessoas que conduzem o veículo.

PARA VOCÊ:
O óleo de coco é prejudicial para o meio ambiente?

Veja também: Como as mudanças climáticas estão causando perda de peso nas aves e outros animais da Amazônia?

A passarela verde, que ocupa uma área de mil metros quadrados, foi construída com plantas frutíferas naturais da região. Por serem nativas, essas árvores ajudam a atrair os animais para a área. Portanto, o projeto não só contribui para a conservação das espécies de animais, mas também para a recuperação da flora da região.

Em 2018, iniciou-se o planejamento do projeto da passarela verde, que foi realizado ao longo de três anos. No trecho da rodovia onde foi erguido, já apresentou resultados extremamente importantes, incluindo a diminuição do número de atropelamentos e do número de acidentes envolvendo animais.

PARA VOCÊ:
Coca-cola cria novo design de tampa para suas garrafas que facilita a reciclagem
Artigos relacionados