5 Exemplos de Cidades Sustentáveis ao redor do mundo

Escrito por Geovane Souza

Tornar uma cidade sustentável está longe de ser uma tarefa fácil, porém não é impossível. Veja abaixo 5 localidades que podem até não ser ecologicamente perfeitas, mas são definitivamente exemplos a serem seguidos.

1. Reykjavik, Islândia

A cidade é 100% abastecida por energia limpa e de baixo custo. Parte dos veículos da cidade se movem com o uso de hidrogênio, e a tendência é que esta parcela aumente ainda mais. O país está investindo pesado nessa tecnologia e pretende se tornar uma “economia do hidrogênio” nas próximas décadas.

2. Malmö, Suécia

Pioneira na utilização de energia renovável, a cidade recicla mais de 70% do lixo coletado e os resíduos orgânicos são reaproveitados para a fabricação de biocombustíveis que, juntamente com a energia hidrelétrica, solar e eólica, alimenta o Western Harbor, uma comunidade 100% dependente de energia limpa. Além disso, Malmö possui mais de 400 quilômetros de ciclovias em seu território ­

PARA VOCÊ:
Samsung tem programa de descarte de baterias, celulares, máquinas de lavar e diversos produtos

3. Vancouver, Canadá

Vancouver é a cidade da América do Norte com a menor pegada de carbono. Mais de 200 parques esverdeiam a sua área urbana e pelo menos 90% da sua energia já provém de fontes renováveis. Até 2020, a cidade pretende neutralizar toda a emissão de gases estufa proveniente dos seus edifícios, que hoje são responsáveis por 55% das emissões de Vancouver.

4. Copenhague, Dinamarca

Uma das cidades Mais Habitáveis do Mundo de acordo com a classificação da revista Monocle, Copenhague já faturou o título de Melhor Cidade para Ciclistas. Cerca de 40% de sua população pedala diariamente para se deslocar pela área urbana e foi lá que surgiu pela primeira vez o empréstimo público de bicicletas. Desde 1990, a cidade conseguiu reduzir suas emissões de carbono em 25% e até 2015 o governo pretende transformá-la na eco metrópole número um do mundo.

PARA VOCÊ:
Multinacional Braskem irá investir R$ 130 milhões em centro de desenvolvimento de Embalagens Circulares

5. Portland, Estados Unidos

Para conservar os áreas vegetativas em sua volta, o governo estabeleceu um limite para o avanço da urbanização da cidade, que conta com 92 mil acres de área verde e mais de 300 quilômetros de ciclovias. Portland foi a primeira cidade dos Estados Unidos a aprovar um plano para reduzir as emissões de dióxido de carbono e tem promovido sistematicamente a construção de prédios verdes. Além disso, cerca de 40% de sua população utiliza ou a bicicleta ou o transporte coletivo para ir ao trabalho e, desde de outubro, o governo recolhe os resíduos orgânicos e enviam para centros de compostagem. Hoje, a cidade obtém metade da energia utilizada a partir de fontes limpas, como a luz solar e o aproveitamento de resíduos para a produção de biocombustível.

PARA VOCÊ:
A importância da Sustentabilidade no mundo dos animais de estimação
Artigos relacionados