Estudo aponta que 48% de todas as espécies de aves do planeta tiveram redução populacional

Escrito por Geovane Souza

No mundo, há cerca de 11 mil espécies de aves catalogadas pela ciência, segundo um levantamento do State of the World’s Birds, cerca de 48% delas tiveram redução populacional. De acordo com o estudo, 5 mil espécies de aves se encontram em risco de extinção atualmente. O relatório apontou ainda que, apenas 6% das espécies de aves apresentaram crescimento em sua população.

Estudo aponta que 48% de todas as aves do planeta tiveram redução populacional
Foto de Beyza Kaplan no Pexels

Alexander Lees, professor da Manchester Metropolitan University no Reino Unido, e também principal autor do levantamento, disse que o estudo mostra os primeiros indícios de uma nova era de extinções em massa de espécies de aves, e isso está acontecendo no mundo todo. Segundo ele, a diversidade de aves, que atinge seu pico nos trópicos, é onde encontraram o maior número de espécies ameaçadas.

PARA VOCÊ:
Sabe qual é a diferença entre resíduo e rejeito?

Outros lugares que aparecem com maior números de espécies de pássaros em redução populacional são as regiões montanhosas e as áreas do Ártico. Além disso, o alerta também vai para os Andes, Sudeste Brasileiro, Leste do Himalaia, ilhas do sudeste asiático e Madagascar.

A principal causa da diminuição populacional das aves é a destruição dos seus habitats

Os cientistas informam que a principal causa da diminuição populacional das espécies de aves é a destruição dos seus habitats naturais. Seja diretamente, com os desmatamentos, ou indiretamente, através das mudanças climáticas provocadas pela poluição do meio ambiente, as ações humanas estão diretamente ligadas a destruição desses habitats.

PARA VOCÊ:
Gases de efeito estufa atingem nível visto há 5 milhões de anos

Segundo Alexander, o estudo prever uma taxa de extinção global seis vezes maior do que as registradas desde 1500. O biólogo Ken Rosenberg do Cornell Lab of Ornithology, disse que as aves são como um termômetro que indica visivelmente a saúde do planeta. Disse ainda que essa diminuição de aves sinaliza uma perda muito maior, se forem incluídas todas as espécies de animais do mundo, não somente as aves.

Segundo os cientistas, a única forma de contornar essa situação e evitar que a coisa fique ainda pior, é estabelecendo regras rígidas em relação ao desmatamento, extração de madeira e nas atividades ligadas a agropecuária. Além disso é preciso uma atenção especial em relação no controle de incêndios florestais.

PARA VOCÊ:
Seu animal de estimação é um problema para o meio ambiente
Artigos relacionados